sessão 14 de janeiro 2017



Título: Eu quero a minha cabeça
Autor: António José Gonçalves
Ilustrador: António José Gonçalves
Editora: Pato Lógico





Começamos todos com a cabeça no sítio certo e com uma cantilena para relaxar


 e quando a história começou todos estavam atentos.


Quando a personagem perdeu a cabeça, ouviu-se a exclamação "oh!!!"

 E foi então que iniciámos com a Céu (a personagem desta história) a busca da sua cabeça.


 À  medida que a história avançava, a atenção era maior


e todos gritávamos com a Céu:


No final da história todos aprendemos que sem a palavra mágica «sim» poderemos, mesmo, perder a cabeça, que é coisa que ninguém quer.



Por isso propusemos construir uma gaivota luz...,



 uma amiga que nos lembrasse sempre das palavras mágicas que necessitámos de dizer ao longo do dia.


Claro que há sempre as perfeccionistas que enquanto tudo não está impecável, não saem da oficina.



 E foi assim que mais uma sessão se cumpriu e todos saíram com a cabeça no sítio e as palavras «sim», «por favor», «obrigada» nos lábios.

Sem comentários:

Enviar um comentário